Modo:  
Sociedade Boa União Alhadense
Segunda-Feira
20.AGO.2018
  Home  
  Noticias  
  Área Reservada  
  Pesquisa  
  Contactos  
  Videos  
Apresentação

Escola de Música

Filarmónica

> Orquestra Ligeira

Grupo de Metais

Grupo de Flautas

Ensemble de Saxofones

Grupo de Clarinetes

Teatro

Ténis de Mesa

Futsal

Rancho 1º de Maio

Grupo de Cantares

Outras Actividades

Protocolos / Parcerias

Links Úteis


Maestro responsável pela Orquestra Ligeira

Nome: 

Mário Rui dos Santos Gonçalves

Idade: 

35 anos

Habilitações profissionais: 

Professor de Música

Outras habilitações: 

Curso de Regente de Filarmónicas

Iniciou a sua aprendizagem musical aos 11 anos de idade, com o seu tio José Gonçalves.

Em 1994, estreia-se na Filarmónica da Sociedade Boa União Alhadense como executante de trompete, entrando mais tarde para a Orquestra Ligeira.

Em 1996, ingressou no Conservatório de Música David de Sousa da Figueira da Foz, na classe dos Professores Rui Alves e Jorge Paulo Margaça.

Em Outubro de 2000 frequentou o Curso de Regentes de Filarmónicas, organizado pela Delegação de Coimbra do INATEL, que foi ministrado pelos Professores / Maestros: Tristão Nogueira, Francisco Pereira e José Pedro Figueiredo.

P
articipou num seminário de Trompete, no Conservatório de Música de Coimbra, orientado pelo Professor Fernando Ribeiro em Março de 2002 e numa Acção de Formação de Formadores de Escolas de Música orientado pelos Professores: Jorge Campos e Daniel Tapadinhas em Abril de 2003.

Em 2004 concluiu o 8º grau do Curso Complementar de Trompete, na Classe do Professor Vítor Pereira.

Fez parte da Orquestra do Conservatório David de Sousa onde trabalhou com os Professores Tobias Cardoso e Joaquim Raposo.

Integrou 2 orquestras que acompanharam em  espectáculos a Imperial Neptuna Academica da Figueira da Foz  e o Coro do Circulo Cultural Escalabitano de Santarem.

Dirigiu a Orquestra de várias operetas, representadas pelo grupo cénico da S.B.U.Alhadense.

É um dos membros fundadores do Grupo de Metais da S.B.U.Alhadense.

Desde 2000 que lecciona na Escola de Música da Filarmónica da S.B.U.Alhadense sendo responsável pela classe de Metais.

Faz parte como chefe de naipe da Orquestra de sopros do concelho da Figueira da Foz.

Auxiliando o maestro Paulo Silva, deu formação a jovens Músicos no 1º Workshop Instrumental organizado pela Associação das Colectividades do Concelho da Figueira da Foz em Julho 2009.

Desde o ano lectivo 2006/07 que lecciona a disciplina de expressão musical nas escolas de Ensino Básico do Concelho da Figueira da Foz.

Frequentou durante o ano lectivo 2007/08 acções de formação com o Professor Miguel Pernes da Foco Musical.

Participou num workshop com o maestro e compositor Jan Van Der Roost dedicado à composição.

Frequentou uma acção de formação de expressão musical na Orquestra Clássica do Centro denominada “Educar é amar com lucidez” com o maestro e professor Virgílio Caseiro em Setembro de 2008.

Obteve formação por parte da DREC (Delegação Regional  de Educação do Centro) denominada "Pedagogia e Didáctica no Ensino da Música", entre Janeiro e Abril de 2010.

É 1.º trompete do Grupo de Metais e da Filarmónica da S.B.U.Alhadense desempenhando também as funções de maestro adjunto.

É o Director Musical da Orquestra Ligeira da SBU Alhadense, desde Fevereiro de 2003.

Visitante nº 670763